30_neo

Vários motivos foram determinantes ao longo dos últimos anos para que o aumento da utilização de energia advinda de placas fotovoltaicas se tornasse crescente, dentre eles a adequação das mais diversas soluções para cada necessidade, sejam elas na indústria, infraestrutura urbana, residências, agronegócios, meio rural e outros a fim de minimizar custos e contribuir para o uso racional de fontes renováveis de energia.

Por conta do aumento de demanda mundo afora, várias empresas se especializaram no tema e no Brasil não poderia ser diferente. Por se tratar de um país tropical que conta com ótima radiação solar de norte a sul do país durante quase todos os meses, o uso de energia fotovoltaica já é uma realidade. Em função da alta procura por essa energia alternativa a Neosolar Energia, empresa paulista especializada em soluções para energia solar e com atuação maciça em todo o território nacional, aprimorou-se e hoje oferece as mais distintas soluções para os meios residencial, industrial ou rural.

Por se tratar de uma empresa constituída por dois engenheiros e especializada em energias alternativas, a Neosolar consegue ser uma solucionadora de sistemas complexos independente da necessidade de conexão à energia elétrica tradicional.

“Hoje a maior necessidade do consumidor final é entender a energia solar e suas aplicações, por isso, nossa primeira conversa está mais ligada a um suporte, uma consultoria do que à venda propriamente dita”, relata Raphael Pintão, engenheiro e sócio-diretor da Neosolar Energia.

A elaboração de projetos amparados em energias renováveis é o desafio diário da empresa. Suas soluções, que contemplam sistemas de energia solar fotovoltaica, mini-eólica e sistemas híbridos, podem ser isolados ou conectados à rede elétrica convencional.

Soluções para áreas sem energia elétrica- Após estudo de caso e elaboração de projeto que compreenda a necessidade do morador ou empresário local, toda a equipe da Neosolar se movimenta para a instalação dos kits que contam com: Painel Fotovoltaico para captar a radiação solar, o Controlador de Carga que permite o controle de carga da bateria, a Bateria para armazenar a energia produzida e os Inversores que transformam a voltagem recebida pela bateria na voltagem elétrica necessária para a utilização. Este tipo de sistema, conhecido como Off Grid ou isolado, permite ao usuário o armazenamento da energia produzida na bateria para utilizá-la em momentos de nenhuma radiação solar.

O sistema Off Grid é utilizado em regiões que não são atendidas por concessionárias de energia e todo o projeto é desenvolvido de forma a existir um excedente que será armazenado e utilizado em momentos sem radiação.
“Quando idealizamos o projeto, verificamos a fundo as necessidades do usuário, seu consumo diário e os níveis de radiação do local. Só depois desse passo é que auxiliamos na instalação”, ressalta Raphael Pintão.

Outra solução extremamente usada no ambiente rural são as bombas hidráulicas movidas a energia solar, uma ótima solução para quem utiliza frequentemente poços artesianos para abastecer residências, criações e plantações. Neste caso, o Kit da Neosolar é composto pela bomba, com capacidade diária de 4.600 litros à 8.600 litros, a placa solar e os drivers de instalação. Dispensam o uso de baterias e podem ser instalados em poços de até 40 metros de profundidade.

Para necessidades maiores, há soluções customizadas que podem atender poços acima de 100 metros com capacidade superior a 30 mil litros de água.

Soluções para residências com energia elétrica convencional- Para o consumidor que pretende instalar um sistema gerador de energia de micro ou minigeração distribuída a partir da energia solar, o sistema fotovoltaico Conectado ou Grid Tie precisa de alguns componentes básicos para garantir o funcionamento.

O Painel Solar, responsável pela captação da radiação solar é formado por várias células fotovoltaicas que usam o silício como matéria-prima. A quantidade de painéis solares varia de acordo com o consumo de energia. Para uma residência com consumo de 200 kWh/mês são necessários de seis a oito painéis de 1,7 m² cada.

Já os Inversores transformam a energia elétrica vinda dos painéis solares em corrente alternada para ser usada na rede doméstica. Além disso, os inversores fazem o sincronismo da energia solar com a rede elétrica e o balanço entre a fonte solar e a energia da rede convencional.
Além destes componentes, uma estrutura de alumínio é responsável pela fixação dos painéis no telhado garantindo a inclinação no ângulo adequado para a melhor captação da luz solar.

Com a Resolução Normativa (RN) 482 de 17/04/12, publicada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) que regulamenta a micro e mini produção de energia, proprietários de residências, comércio e indústria poderão produzir sua própria energia e a maior novidade é que as concessionárias devem adequar seus medidores a um modelo que permita que a energia gerada e não consumida no local possa ser enviada à rede para consumo em outro ponto e gerar créditos para o consumidor na próxima fatura.

Por se tratar de uma novidade, os caminhos a serem percorridos pelo cliente que optar pela utilização de energia solar nas grandes cidades deverá ser mais cuidadoso. Assim, toda e qualquer decisão deverá ser tomada com o auxilio de profissionais com larga experiência.

A Neosolar Energia, empresa brasileira que fornece soluções em energia solar, atua a mais de dois anos no mercado energético com a consultoria, comercialização e instalação de produtos que viabilizam a produção e o consumo de energia solar.| NeosolarEnergia