Esquadrias que seguem a norma de qualidade evitam problemas como infiltrações de água, passagem de vento quando fechados, manutenção constante, baixa resistência a arrombamentos, deformações causadas pelo uso, entre outros transtornos
Esquadrias

A Norma ABNT NBR 10821regula a oferta de esquadrias resistentes e adequadas

Por desinformação, muitos consumidores não exigem produtos normatizados na hora de comprar ou especificar esquadrias e desconhecem o PBQP-H, Programa Brasileiro da Qualidade e Produtividade do Habitat, criado pelo Governo Federal para indicar os fabricantes com itens adequados às determinações da norma. Mas, empresas que atuam com seriedade e respeito aos seus clientes, participam deste programa, elaboram projetos e fabricam seus produtos de acordo com as determinações da norma  ABNT NBR 10821 – Esquadrias para Edificações. As informações são da Sasazaki, tradicional fabricante de portas e janelas de aço e alumínio.

A empresa esclarece que o atendimento aos quesitos da norma garante a oferta de esquadrias resistentes e adequadas às características das construções realizadas em cada região do País. Os critérios definidos na normatização visam, justamente, evitar acidentes e problemas como infiltrações de água ou vento, manutenção constante, baixa resistência a arrombamentos, deformações causadas pelo uso ou por rajadas de vento, emperramentos, entre outros transtornos.

Segundo o gerente de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação da companhia, Leonardo Arantes, as normas e os programas de qualidade foram desenvolvidos com o objetivo de informar ao mercado quais as indústrias que oferecem produtos com desempenhos mínimos exigidos e dentro dos critérios de qualificação estabelecidos pelo Programa Setorial da Qualidade, diferenciando-as daquelas com produtos em não conformidade técnica. “É importante que os fabricantes desenvolvam seus produtos de acordo com os critérios estabelecidos, o que significa mais segurança e confiança aos usuários”, afirma.

Garantia de qualidade – A comercialização de produtos adequados à NBR 10821, definida pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), beneficia a toda a cadeia produtiva de portas e janelas. Enquanto as indústrias passam a trabalhar com bases mínimas de qualidade e competitividade, os revendedores têm a certeza de oferecer produtos adequados aos quesitos legais, que garantem a durabilidade, seguranças e a valorização do imóvel esperada por seus clientes. A NBR 10821 refere-se às esquadrias de alumínio, madeira, aço, PVC e outras, padronizadas ou especiais e os componentes das portas e janelas, responsáveis pela estanqueidade, luminosidade, robustez do produto, permeabilidade ao ar, resistência ao manuseio e durabilidade.

Conformidade com cronograma – Ciente da importância da normatização, a Sasazaki está em conformidade com o cronograma determinado pelo Programa Setorial da Qualidade (PSQ), inserido no PBQP-H, para itens fabricados de aço e de alumínio, e por isso apoia todas as iniciativas que tornem o mercado mais profissional e que favoreçam a evolução do segmento.

A Sasazaki sempre elaborou produtos que atendem aos critérios da norma. Com sua definição, as esquadrias que levam a marca destacam-se ainda mais pelo design, tecnologia aplicada, produtividade, eficiência de projeto e pelo alinhamento às tendências de mercado. Entre os itens da Sasazaki que já receberam a qualificação estão Janelas da Linha Evolution (com acabamento na cor branca), Portas de Abrir das Linhas Silenfort e Belfort (sem vidro e pintura de acabamento, sendo ideais para customização) e Prátika (com vidros, pronta para instalar e com acabamento nas cores branca e prata).| Sasazaki